Skip to main content

Como será a redação no Enem Digital?

Devido à necessidade do distanciamento social devido à pandemia causada pelo Novo Coronavírus, algumas alternativas foram necessárias para evitar a propagação da Covid-19. Entre elas, a realização do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) Digital.

No entanto, essa novidade ainda desperta muitas dúvidas em professores, alunos e diretores, principalmente em relação à realização da redação na prova que será aplicada de maneira remota. Para entender melhor as principais novidades na aplicação do Enem Digital e entender como ajudar os alunos a garantir uma redação à altura, continue a leitura a seguir!

A realização do Enem 

Criada há mais de 20 anos, a prova do Enem tem como finalidade avaliar os estudantes que estão concluindo o ensino médio. Com a exigência do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), a prova passou a ser requisito para o acesso às melhores universidades e centros universitários do Brasil desde 2010. 

Por este motivo, o Enem é uma das provas com mais inscritos no país. Realizada em 2 dias, os estudantes costumavam receber as provas com questões fechadas e uma redação, com tema divulgado somente na hora do exame. 

O que mudou na aplicação da prova

Com a pandemia afetando também a educação, o Ministério da Educação apresentou o Enem Digital como uma opção para os que estão concluindo o ensino médio. Assim, mesmo com a necessidade do distanciamento social será possível conquistar uma vaga nas universidades e centros, mantendo as formas de higienização solicitadas para conter o avanço do vírus. 

Uma importante mudança no Enem Digital em relação à versão impressa da prova é a data de sua aplicação. Enquanto o modelo tradicional estará disponível em 17 e 24 de janeiro do próximo ano, o novo formato deverá ocorrer nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021. 

Além disso, para a realização do Enem Digital, os alunos deverão realizar o exame em computadores disponibilizados em escolas e faculdades em que a prova deverá ocorrer. Para estar apto para a realização do teste, os estudantes podem optar pela versão online no ato da inscrição. Serão 50 mil alunos para a aplicação piloto da prova em ambiente digital. 

A redação no Enem Digital

Segundo informações do Ministério da Educação, a redação do Enem ainda não deve ser realizada por meio do computador no início do próximo ano. O texto dissertativo contendo 30 linhas de conteúdo deve ser feito em formato impresso, escrito na Folha de Redação da prova e entregue ao fiscal ao final do teste. 

Como se preparar para a nova versão da prova

Para muitos estudantes, manter o foco nos estudos de forma remota e dedicar-se a produção de textos pode ser complicado. No entanto, é possível contar com ferramentas que possam auxiliar alunos e professores na correção da redação, apontando erros e indicando alternativas para que o aluno continue evoluindo. 

Terceirizar a correção das redações de seus alunos é uma solução simples e prática, que pode aumentar a qualidade de desempenho de cada um deles, assim como otimizar o trabalho dos professores, visto que não estarão sobrecarregados com mais esta função. 

Como você pôde conferir, a primeira edição da redação no Enem Digital será em breve. Por este motivo, é fundamental que os estudantes estejam prontos para alcançar as maiores notas em todas as competências da prova, por meio de estudos, práticas, correções e ensino de qualidade

Quer saber como você pode ajudar seus alunos na redação do Enem Digital? Então, conheça a Eduqz, ferramenta de gestão de redação e revisão digital de textos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *